Sergipana de 73 cm levanta triplo do seu peso e bate recorde pessoal no Meeting Paralímpico Loterias Caixa de Aracaju

qua, 21 set 2022 13:44:46 -03:00



Camilla Feitosa durante competição em Sergipe | Foto: Jorge Henrique/CPB

Camilla Feitosa durante competição em Sergipe | Foto: Jorge Henrique/CPB

A halterofilista sergipana Camilla Feitosa, 36, bateu seu próprio recorde ao levantar 63 kg no Meeting Paralímpico Loterias Caixa de Aracaju (SE), evento realizado na manhã desta quarta-feira, 21, Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, na Universidade Tiradentes (Unit).

O evento contou com 139 atletas inscritos nas provas de atletismo, natação e halterofilismo. Aracaju foi a sétima cidade brasileira e a quinta nordestina a receber o Meeting neste ano. Depois de percorrer 1.333 km em 17 dias no Nordeste, o evento vai para Brasília, no próximo dia 1° de outubro, com disputas nas mesmas três modalidades.

Antes de levantar 63 kg na capital sergipana, a maior marca de Camilla era de 58 kg, alcançada no Campeonato Brasileiro de halterofilismo, disputado no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, em 2019.

Nascida em Aracaju, Camilla tem nanismo. Ela mede 73 cm e pesa 21,1 kg, ou seja, os quilos suportados nesta quarta-feira são praticamente o triplo do seu próprio peso. "Sou muito grata a todos que me ajudaram a chegar a esta marca. É difícil até dizer o que eu senti na hora. Foi muito especial por ser na minha cidade, com minha família e meus amigos. Deu para sentir a vibração deles e acabei vibrando junto", disse Camilla, que começou no paradesporto, por acaso, em 2018.

"Fui acompanhar o tratamento de um amigo, que sentia dores no ombro, quando um professor me apresentou o halterofilismo paralímpico. Eu nem sabia que existia. Só conhecia o convencional", completou a sergipana, que representou o Clube Condição Futuro (CCF), de Aracaju.

Nas provas de natação na capital sergipana, destaque para Willian de Sá, 29, da classe S7 (limitações físico-motoras). O atleta da Secretaria Estadual de Educação de Sergipe (GES/SEED) nadou os 50 m livre em 31s12, o que seria o 10° tempo do mundo da prova neste ano. Nesta manhã, Willian ainda competiu nos 100 m livre (1min11s44) e nos 100 m costas (1min36s44).

Já nas competições de atletismo, a Associação Petrolinense de Atletismo (APA Petrolina) dominou os pódios, com 51 medalhas de ouro, 16 de prata e duas de bronze, totalizando 69 conquistas. O clube pernambucano foi representado em todos os Meetings do Nordeste, mas a edição de Aracaju foi a que mais contou com atletas da Associação: 47. Afinal, a capital sergipana sediou a etapa mais próxima de Petrolina (478 km) neste ano. 

O Meeting Paralímpico é idealizado e organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) desde 2021, como uma atualização dos tradicionais Circuitos Loterias Caixa, que já eram realizados desde 2005 pelo Comitê. Há provas de atletismo, natação e halterofilismo. Cada cidade sedia, pelo menos, disputas de uma dessas modalidades.

Os objetivos do evento são desenvolver a prática esportiva para pessoas com deficiência em todas as regiões do país, contribuir para o aprimoramento técnico dos competidores e propiciar oportunidades de competição aos atletas de elite e jovens promessas do paradesporto em todo o Brasil.

Em 2022, antes de chegar a Aracaju, o Meeting já tinha passado por Campo Grande (MS), Macapá (AP), Fortaleza (CE), Natal (RN), João Pessoa (PB) e Recife (PE). Para ver o calendário completo do evento em 2022, basta clicar aqui.

Patrocínios
O Meeting Paralímpico Loterias Caixa tem o patrocínio das Loterias Caixa
O atletismo é uma modalidade patrocinada pelas Loterias Caixa e pela Braskem
A natação é uma modalidade patrocinada pelas Loterias Caixa
O halterofilismo é uma modalidade patrocinada pelas Loterias Caixa

Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)

PATROCINADORES
Patrocinadora do Paratletismo Brasileiro
Patrocinadora do Comitê Paralímpico Brasileiro
PARCEIROS
Parceiro do Comitê Paralímpico Brasileiro
Parceiros do Atleta Cidadão
APOIADORES
Apoiador do Comitê Paralímpico Brasileiro
FORNECEDORES
Fornecedor Oficial