Brasileiro de rúgbi em cadeira de rodas começa na próxima segunda-feira no CT Paralímpico

qua, 10 ago 2022 17:49:43 -03:00



Atletas disputam lance em partida no CT Paralímpico | Foto: Divulgação/Thelma Vidales/ABRC

Atletas disputam lance em partida no CT Paralímpico | Foto: Divulgação/Thelma Vidales/ABRC

O Campeonato Brasileiro de rúgbi em cadeira de rodas 2022 terá início na próxima segunda-feira, 15, e terminará na quarta-feira, 17, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. A competição, organizada pela Associação Brasileira de Rugby em Cadeira de Rodas (ABRC), reunirá seis equipes da 1ª Divisão Nacional, enquanto cinco times disputarão a Segunda. 

Na divisão principal, os clubes estarão divididos em dois grupos. A chave A será formada por Santer/RJ, atual campeão do torneio, Ronins/SP e BSB/DF. Já a B terá Minas/MG, Gigantes/SP e Gladiadores/PR. Os campeões de cada grupo avançarão diretamente para as semifinais. Já os segundos e terceiros de cada chave duelarão pelas outras duas vagas. 

A Segunda Divisão será composta por Irefes/ES, MSB/SP, Adeacamp/SP, Titans/PR e Cetefe/DF. Todos jogarão contra todos em turno único. Os dois melhores farão a final e o campeão subirá para a elite do rúgbi brasileiro em CR. 

A realização da 14ª edição Brasileiro ocorrerá após a inédita disputa de quatro fases regionais: Sul, Sudeste, Paulista e Centro-Oeste. Essa ampliação do calendário do rúgbi paralímpico brasileiro ofereceu aos atletas mais prática em quadra. Para o presidente da ABRC, José Higino, a modalidade tem conquistado um público cada vez maior. "Além disso, estamos aumentando a quantidade de vagas de trabalho no paradesporto", disse o dirigente. Em dezembro, o campeão brasileiro disputará a Copa dos Campeões, torneio que também contará com os vencedores das Regionais. 

O Campeonato Brasileiro ainda reunirá atletas que representarão o Brasil no Mundial de rúgbi em cadeira de rodas, em Vejle, na Dinamarca, em outubro. Esta será a primeira vez da Seleção Nacional na competição.

"Uma boa participação no Campeonato Mundial é muito importante para atingirmos um de nossos objetivos: o direito de disputar o maior evento do esporte paralímpico do planeta, os Jogos Paralímpicos de Paris 2024", finalizou José Higino. 

*Com informações da Associação Brasileira de Rugby em Cadeira de Rodas (ABRC)

Patrocínio
O rúgbi em cadeira de rodas é uma modalidade patrocinada pelas Loterias Caixa

Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)
 

 

PATROCINADORES
Patrocinadora do Paratletismo Brasileiro
Patrocinadora do Comitê Paralímpico Brasileiro
PARCEIROS
Parceiro do Comitê Paralímpico Brasileiro
Parceiros do Atleta Cidadão
APOIADORES
Apoiador do Comitê Paralímpico Brasileiro
FORNECEDORES
Fornecedor Oficial