Seleções de Basquete em CR treinam pela primeira vez com convocados para Parapan de Lima

qui, 18 jul 2019 17:15:34 -03:00



As Seleções Brasileiras de basquete em cadeira de rodas, feminina e masculina, estão no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, para a quarta fase de treinamento da temporada, que se encerra neste sábado, 20. A etapa é a penúltima antes dos Jogos Parapan-Americanos de Lima, no Peru, que são classificatórias para os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020. Esta fase de treinamento foi a primeira após a divulgação da lista de convocados, nesta terça, 16. 

Para os atletas, como Vileide Brito, a Vivi, a responsabilidade agora aumenta: "A expectativa estava bem grande. Já é a nossa quarta etapa de treinamento, e estava aquele friozinho na barriga, chegando à finalização, já tendo os cortes, tendo que ficar só as 12. Agora vem a responsabilidade maior ainda da competição e a felicidade imensa de poder, mais uma vez, estar representando o nosso país e, se Deus quiser, trazer uma medalha."

LEIA MAIS
Seleção feminina de basquete realiza amistosos para fortalecer a equipe antes do Parapan
Seleção de basquete em CR visa equilibrar defesa em treinos no CT Paralímpico


O técnico da Seleção feminina, Wilson Corrêa, explica que o time está focando em exercícios de força, especialmente as atletas de classe mais baixa: "Nós vamos todas as manhã à pista indoor para fazer um trabalho de puxar trenó ou usar um paraquedas. Conforme a atleta corre com o paraquedas, ele abre, e isso dá força. Nós também usamos o trenó, que é equipamento do próprio CT. Pesa em média 5kg e as atletas puxam com a cadeira."

Já o time masculino optou por realizar a preparação com jogos. "Para a fase de treinamento, conseguimos convocar atletas que também teriam níveis para estar na seleção. Muitos deles já fizeram parte da preparação, para que a gente pudesse colocar a equipe convocada em situação de jogo de verdade. Nós realizamos três jogos. Assim, a gente acaba jogando com a equipe estourada na classificação, aumentando o nível e a dificuldade dos jogos que estamos fazendo, como forma de preparação", explica Sileno Santos, técnico da Seleção masculina.

O que há em comum entre as duas equipes é a certeza da boa preparação e o foco no pódio: "Estamos fazendo uma preparação forte junto com a academia e dois treinos diários de aproximadamente três horas. Fizemos três jogos com o pessoal que faz parte do grupo e não foram convocados porque, infelizmente, só vão 12, mas continuam sendo atletas super qualificados. A nossa expectativa é a melhor para o Parapan, de chegar entre os três melhores e conquistar a vaga para Tóquio", afirma Gelson Júnior, atleta do basquete.

A campeã e vice-campeã parapan-americana no feminino e os três primeiros colocados no masculino se classificarão para os Jogos de Tóquio 2020. No Parapan de Toronto 2015, o Brasil faturou a medalha de bronze no feminino e a equipe masculina ficou em quarto lugar.

Na próxima fase de treinamento, que acontece entre os dias 11 e 17 de agosto, os times masculino e feminino jogarão amistosos. A intenção é avaliar o nível técnico dos times. Os Jogos Parapan-Americanos de Lima acontecem de 23 de agosto a 1º de setembro. 

Assessoria de Comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)

PATROCINADOR MASTER
Patrocinadora oficial de 11 modalidades paralímpicas
PATROCINADORES
Patrocinadora oficial do Paratletirsmo Brasileiro
Patrocinadora do Comitê Paralímpico Brasileiro
APOIADORES
Apoiador do Comitê Paralímpico Brasileiro
PARCEIROS
Parceiro do Comitê Paralímpico Brasileiro
Parceiros do Atleta Cidadão