Notícias

Dirigentes do CPB se reúnem com representantes da Marinha para alinhar parcerias

Por CPB
Ter, 12 Set 2017 14:00:00 -0300
Imagem

O presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Mizael Conrado, e o 2º vice, Ivaldo Brandão, se reuniram na manhã desta terça-feira, 12, com representantes da Marinha do Brasil no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN), no bairro da Penha, no Rio de Janeiro. 

O objetivo do encontro era alinhar possíveis parcerias e convênios entre as duas entidades. Os militares aproveitaram a reunião para mostrar toda a estrutura do local e, também, exibir os projetos que já são desenvolvidos. O CEFAN conta, entre outras coisas, com campos de futebol, pista de atletismo, piscina olímpica e de saltos ornamentais, ginásios poliesportivos, alojamentos e clínicas de reabilitação, fisioterapia e avaliação física. 

Mizael afirmou que ficou impressionado e ressaltou que o CPB tem "total interesse" em trabalhar junto à Marinha. "Nosso próximo passo será reunir a diretoria técnica do CPB com a Marinha para que possamos avaliar e criar juntos as primeiras ações. Temos alguns programas dentro do próprio Comitê que podemos replicar aqui, como a capacitação de profissionais voltados para o esporte paralímpico e o trabalho com militares reformados, por exemplo."

"Foi uma reunião muito importante e eficiente. Nosso objetivo é convergir os esforços, tanto do CEFAN quanto do CPB, integrando as nossas ações para, assim, obter resultados positivos no desenvolvimento do esporte paralímpico", comentou o Contra-Almirante Luiz Gueiros Taulois.  

Entre os projetos já desenvolvidos pela Marinha no CEFAN está o Força no Esporte (Profesp), que atende 405 menores, de 10 a 17 anos, de nove comunidades da região. Eles praticam 22 modalidades no local e ainda recebem alimentação. Além disso,  há o Programa Olímpico, que consiste no patrocínio de atletas de alto rendimento. Cinquenta e cinco deles estiveram nos Jogos Olímpicos Rio 2016 e conquistaram 13 medalhas. 

Atualmente, o CPB já utiliza a estrutura do CEFAN para a realização de algumas etapas do Circuito Loterias Caixa de natação, atletismo e halterofilismo. O local também recebe treinamentos de atletas da Associação Vencedores Adaptados (AVA). 

Assessoria de comunicação do Comitê Paralímpico Brasileiro (imp@cpb.org.br)